Três dicas para cuidar da saúde bucal das crianças nas férias escolares

Rodeadas de refrigerantes e todo tipo de guloseimas possíveis, as férias escolares das crianças são um ponto de atenção para os cuidados com os dentes. Pais e responsáveis devem, portanto, redobrar a atenção para que a criança não deixe de lado a escovação, evitando problemas como: cárie, mau hálito, gengivite, tártaro e até desconfortos mais graves. 

Para garantir que os dentes das crianças sejam bem cuidados, a cirurgiã dentista e professora da Faculdade de Medicina de Açailândia (IDOMED Fameac), Patrícia Oliveira, enumera alguns aspectos importantes para serem observados nesse período. Confira: 

– Atenção à escova de dentes. 

Quando foi a última vez que a escova de dentes foi trocada? “Elas devem ser descartadas a cada três meses ou antes desse tempo, se as cerdas estiverem dobradas e amassadas”, explica a profissional.  

Patrícia orienta ainda que o tamanho da escova deve ser adequado à idade da criança. São indicados modelos com a cabeça pequena, cerdas extra macias e retas. “Após o uso, a escova deve ser lavada em água corrente. Retire o excesso de água e guarde-a separada das outras escovas dos familiares. Caso seja guardada no banheiro, utilize capas que protegem a cabeça da escova”, explica.  

 – Utilize a quantidade certa de creme dental.  

A quantidade de creme dental com flúor utilizado para escovação dentária é de acordo com a idade e a coordenação da criança em cuspir durante o processo de higiene bucal. “É recomendado que a quantidade de creme dental seja do tamanho de um grão de feijão para as crianças acima de cinco anos, desde que ela consiga cuspir”, frisa Patrícia. 

– Supervisione a escovação dos dentes das crianças.  

“Todas as escovações das crianças devem ser realizadas ou supervisionadas por um responsável, de preferência em frente ao espelho, em uma pia”, reforça a especialista. Ela lembra, ainda, que são necessárias pelo menos três escovações diárias, após as três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar). “E não pode esquecer de passar o fio dental e escovar bem a língua”, conclui.